Férias em família no Maine!

Maine é um dos estados norte americano que faz parte da região chamada Nova Inglaterra, lugar que no passado foi disputado por franceses e britânicos. Cheio de florestas, sobretudo pinheiros, é muito conhecido pelas cores do outono, pelos lindos faróis e pela tranquilidade e segurança de suas cidades.

Nossa passagem por aqui poderia ter sido interessante, mas não tão especial se não fosse pela nossa amiga Fernanda Souza, foi através dela que chegamos até a Cathy Dodge na cidade de Windham, uma pessoa amiga que a ajudou no período em que ela fez intercâmbio por lá. Nós escrevemos para a Cathy nos apresentando e explicando a história da Fê, depois disto mantivemos contato e ficou combinado que iríamos fazer uma visita aos Dodges.

Muito antes de chegarmos á Windham queríamos conhecer um pouco mais do norte do estado e o destino seguinte após Quebéc foi o Acadia National Park, um lugar fantástico a beira mar, aliás, fazia tempo que não víamos o Atlântico! Tivemos a sorte de acampar no topo de uma colina onde contemplamos o pôr e o nascer do sol, Maine tinha começado a lançar seus feitiços sobre nós!

Fomos dirigindo sempre pelo litoral e visitando as pequenas cidades coloridas, realmente este lugar merece a fama que tem. Outra boa surpresa para nós foi saborear bons e econômicos pratos de lagosta, menu famoso em toda costa do Maine.

Já estávamos bem perto da cidade da Cathy e o dia anterior a nossa chegada entramos em contato para saber se estava tudo certo, não tínhamos programado a data, mas coincidentemente calhou de ser no dia do aniversário da filha mais nova da dela, a Abby. Cathy nos passou o endereço e disse que seria fácil identificar a casa deles, porque teria na frente algo especial. Matamos logo a xarada, estava perto do Hellowem e por toda parte as pessoas decoravam suas casas e para nós haveriam abóboras, mas não, a xarada continuava!

Fomos dirigindo em direção a casa da Cathy e não havia apenas abóboras como também balões e uma faixa de boas vindas, todos estavam do lado de fora nos aguardando, foi realmente uma recepção e tanto, nos deu por um momento a sensação de estarmos chegando em casa, no Brasil!

Faixa de boas vindas!

Esta foi a primeira vez em nossa viagem que tivemos a experiência de passar um tempo junto com uma família norte americana, e a primeira impressão não poderia ter sido melhor!

A festa ainda não tinha começado, na verdade era uma pequena reunião em família, e sentimo-nos muito honrados em fazer parte. Os pais da Cathy apareceram mais tarde para abraçarem a netinha, sentamos todos juntos a mesa para saborearmos as delícias que a Cathy tinha preparado e para nos conhecermos um pouco melhor, agora ao vivo e a cores.

Os dias que passamos lá nos serviram e muito de lição, aprendemos como educar filhos pode ser mais simples do que parece, basta uma dose boa de amor, acreditem isto resume tudo. Todos se ajudavam, falavam baixo, existem regras e, mas também muita flexibilidade, e o que consideramos ser o mais importante de tudo, união e admiração uns pelos outros.

A grande família!

Visitamos pequenas cidades vizinhas, deliciosas lojas de chocolates, lagos, parques, colhemos maças, jantamos, almoçamos, oramos e rimos juntos, sem falar na noite de concerto particular que recebemos do Aaron, filho mais velho e músico com grande potencial.

A hora da colheita!

Chegar aqui significou não somente conhecer estas pessoas maravilhosas, mas como também substituir os nossos amortecedores pelos novos enviados do Brasil para a casa da Cathy. Já postamos sobre os problemas que tivemos com um amortecedor dianteiro que quebrou quando ainda estávamos na Bolívia e tivemos que fazer uma solda, ele veio conosco até aqui. Infelizmente os traseiros começaram a vazar óleo no Peru e tivemos que comprar um par novo, que também veio até aqui. A empresa no Brasil nos enviou gratuitamente (a garantia é vitalícia) o par traseiro, mas acabou que quando estávamos no Yellowstone National Park os dianteiros (inclusive o que estava soldado) começaram a vazar também e tivemos que entrar em contato novamente com eles para solicitar que nos enviassem outro par dianteiro, mas desta vez tivemos que pagar o frete porque de acordo com as diretrizes de garantida da empresa o frete fica a cargo do cliente. Não temos como afirmar porque tivemos tais problemas com os amortecedores, não escutamos outros viajantes com altas quilometragens passarem por problemas parecidos, mas estamos levando os antigos na caixa para que sejam analisados. Juntamente com a substituição dos amortecedores colocamos novos batentes, que nos foram fornecidos gratuitamente pela Trilha Santa Catarina. Já estamos com 10.000km rodados e eles têm se comportado muito bem.

O mesmo jeito que chegamos com uma excelente recepção também tivemos uma maravilhosa noite de despedida regada ao delicioso jantar preparado pelo Shane, que esperamos em breve tenha seu próprio restaurante!

Os dias passaram rápidos e tivemos que partir, realmente muito saudosos e agradecidos pelos bons momentos vividos ali junto aos novos amigos. Levamos na nossa bagagem a lembrança de cada palavra e bom exemplo que vimos neste lar e desejando que num futuro próximo tenhamos a oportunidade de reencontrá-los em Windham ou no Brasil!

Anúncios

11 comentários Adicione o seu

  1. Cathy disse:

    We totally enjoyed your stay and wish it could have been longer but I know you have a lot to see before you leave. We hope you can come back someday as you will always be a part of our family! Maybe we will even get to Brazil too!

    1. Luana Martins disse:

      To Cathy:
      You were wonderful and welcoming with our friends Danielle and Leonardo.
      Thank you so much Cathy, hugs to you and your family.

  2. Fernanda Pecego disse:

    Este relato me deixou emocionada…por vocês, tb adorei essa família!!!
    beijos em todos….

  3. Luana Martins disse:

    Leo e Dani que experiencia maravilhosa…. um abraço grande para vcs..

  4. ubirajara disse:

    Parabens os registros/relatos são excepcionais é como se estivessemos viajando ao lado de voces. não perco um comentario.

  5. Joel Zulian disse:

    Nos deixaram emocionados pelo relato da casa de Cathy, a hospitalidade do povo de lá.
    Estamos acompanhando os relatos de vocês.É uma viajem que estamos curtindo junto.

  6. expedicaoih disse:

    Pessoal bom poder transmitir para vocês um pouco do que recebemos na casa do Dodges, eles realmente foram maravilhosos conosco! Abraços!!!

  7. Parabéns!!! Excelente viagem e narrativa completa. Estou acompanhando.

  8. RODRIGO MARTINS disse:

    Muito legal mesmo, que bom que sempre encontramos pessoas boas no caminho.

    Mas por que tanta camisa vermelha não entendi ?

    Grande abraço.

    1. expedicaoih disse:

      Estavamos ensaiando um conjunto musical para as festas de fim de ano, coisas de família, hahaha!

      Abração!

    2. Cathy disse:

      Too funny about the red shirts! My mother and I often show up at places wearing the same color or with our hair the same way! It was just a coincidence.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s